Governo realiza formatura da primeira turma dos Programas de Residências Médicas e Multiprofissionais da Saúde

05/05/2022 12h03 - Atualizado em 05/05/2022 12h40

O Governo do Estado realizou, nessa quarta-feira (04), a formatura da primeira turma dos Programas de Residências Médicas e Multiprofissionais da Secretaria da Saúde (Sesa), desenvolvido pelo Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação à Saúde (ICEPi). Ao todo, são 100 formandos das residências em Acupuntura, Medicina de Família e Comunidade, Cuidados Paliativos, Saúde Coletiva com ênfase em Vigilância em Saúde, Saúde Mental e Saúde da Família.

Médicos, enfermeiros, cirurgiões-dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, farmacêuticos, fonoaudiólogos, nutricionistas, biólogos, médicos veterinários, educadores físicos e terapeutas ocupacionais atuaram durante dois anos em Unidades Básicas de Saúde (UBS), hospitais da Rede Estadual, Centros Regionais de Especialidades (CREs), Centros de Atenção Psicossociais (Caps) e demais serviços de saúde.

O evento realizado em Vitória teve a participação do governador do Estado, Renato Casagrande, que defendeu o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS). “Durante a pandemia o SUS funcionou e salvou vidas. Estamos formando profissionais especialistas para fortalecer ainda mais o SUS. A Sesa tem um trabalho importante feito pelo ICEPi para entregar profissionais de altíssima qualidade, visando uma saúde de excelência. São profissionais que agora estão à disposição do Espírito Santo e de todo o Brasil”, declarou.

Para o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, a formatura dos residentes é uma grande conquista. “Essa geração de especialistas foi formada na pandemia de Covid-19, uma época muito difícil. Hoje, são esperança para o futuro do Sistema Único de Saúde e celebramos neste evento 100 grandes vitórias”, enfatizou.

“Esses profissionais que tanto contribuíram para o SUS capixaba nos últimos dois anos, principalmente no enfrentamento à pandemia, tornaram-se especialistas nas áreas escolhidas e deixaram um legado nos serviços de saúde, fazendo formação em serviço ao mesmo tempo que atuaram profissionalmente”, disse o diretor do ICEPi, Fabiano Ribeiro.

O gerente de Ensino do Instituto, Luiz Claudio Oliveira, também participou do evento e explicou o diferencial dos Programas de Residências Médicas. “As formações do ICEPi são construídas a partir de metodologias ativas, estimulando o pensamento crítico-reflexivo e que os residentes se tornem protagonistas de transformações nos territórios. O ensino em serviço é um pilar do Instituto e beneficia os profissionais e, principalmente, os usuários do SUS capixaba”, afirmou.

Representando os formandos, Luana Roberta Oliveira Costa leu uma carta aberta aos residentes com o relato das experiências vividas nesses dois anos. “Desenvolvemos ações, coordenamos atividades, atendemos os pacientes, produzimos artigos, criamos vínculo, conversamos, nos posicionamos, fizemos grupos on-line e presencial. Fomos protagonistas de mudanças nos territórios”, discursou.

Também prestigiaram a solenidade a coordenadora das residências do ICEPi, Juliana Mariano; a coordenadora emérita Clarice Sampaio; os coordenadores de cada programa; os subsecretários da Sesa; a superintendente regional de Saúde Metropolitana, Cybeli Pandini; além de membros do ICEPi e os familiares dos formandos.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Coordenadoria de Comunicação em Saúde – Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi)
Gabriel Torobay / Mayra Scarpi / Mariela Pitanga
icepi.comunicacao@saude.es.gov.br

Assessoria de Comunicação da Sesa
Syria Luppi / Kárita Iana / Thaísa Côrtes / Ana Cláudia dos Santos / Daniel Borges
asscom@saude.es.gov.br

Busca